Rudy Gobert, do Utah Jazz, se desculpa por atitude em coletiva

O jogador de basquete francês Rudy Gobert, do Utah Jazz, primeiro diagnosticado com coronavírus na NBA, se desculpou por ter feito uma brincadeira com o coronavírus durante uma coletiva de imprensa.

Ele estava sob suspeita de contágio do vírus, e passou as mãos nos microfones dos repórteres, que se esquivaram. “Eu gostaria de me desculpar publicamente com as pessoas que posso ter colocado em risco. Na época, eu não fazia ideia de que estava infectado. Eu fui descuidado e isso não desculpa.” O atleta contou que está sob cuidados médicos e passa bem, e encorajou a todos a se prevenirem com a doença.

Leia o comentário na íntegra:

“Quero agradecer a todos pelas manifestações de preocupação e apoio nas últimas 24 horas. Passei por tantas emoções desde que soube do meu diagnóstico… Principalmente medo, ansiedade e vergonha.

A primeira coisa e mais importante é que eu gostaria de me desculpar publicamente com as pessoas que posso ter colocado em risco. Na época, eu não fazia ideia de que estava infectado. Eu fui descuidado e isso não tem desculpa. Espero que minha história sirva de alerta e leve todos a levar isso a sério. Farei o que puder para apoiar o uso da minha experiência como forma de educar outras pessoas e impedir a propagação deste vírus.

Estou sob muito cuidado e me recuperarei totalmente. Obrigado novamente por todo o apoio. Encorajo todos a tomarem todas as medidas para se manterem seguros e saudáveis. Amor.”

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui