Marcelo aceita multa de R$ 865 mil por dirigir com carteira suspensa

O lateral-esquerdo Marcelo, do Real Madrid, aceitou nesta quinta-feira (12) uma multa de 350 euros por dia durante 15 meses, totalizando cerca de 157 mil euros (R$ 865 mil),  por dirigir com o limite de pontos estourado na carteira de habilitação, segundo o acordo firmado entre o advogado do jogador e o promotor do caso em rápido julgamento realizado nesta manhã.

O incidente em questão ocorreu às 11h (horário local) do dia 19 de dezembro do ano passado, quando a Guarda Civil parou o veículo conduzido por Marcelo no município de Alcobendas, na região de Madri, devido a uma infração de trânsito cometida pelo brasileiro.

Naquele momento, os agentes comprovaram que Marcelo havia perdido a permissão para dirigir, já que tinha estourado a pontuação da carteira.

Em 2013, Marcelo foi condenado por um tribunal de Madri a uma multa de 6 mil euros depois de ser parado em situação similar, com a pontuação estourada, perto do centro de treinamento do Real Madrid.

*Com informações da EFE

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui