Câmara debate possíveis consequências do coronavírus no país

A Câmara dos Deputados debate, em comissão geral nesta quarta-feira (11), as possíveis consequências do novo coronavírus para o Brasil. Além dos desdobramentos da doença, os parlamentos discutem também as ações preventivas de vigilância sanitária e medidas para enfrentamento da doença. Ao todo, são mais de 110 mil casos do Covid-19, com mais de 3.800 mortes, em mais de 100 países do mundo.

O debate acontece por sugestão da deputada Carmen Zanotto (Cidadania-SC). Zanotto foi relatora do projeto que deu origem à lei que regula a situação de emergência para combater o coronavírus (Lei 13.979/20).

O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, confirmou presença na audiência. Ele virá acompanhado do secretário de Vigilância em Saúde do ministério, Wanderson Kléber de Oliveira.

Comissão externa

A comissão externa da Câmara dos Deputados que acompanha o enfrentamento do coronavírus também se reúne nesta quarta-feira (11) para votar requerimentos.

Para o coordenador da comissão, deputado Dr. Luiz Antonio Teixeira Jr. (PP-RJ), o surto da doença ganhou contornos mais graves com a atual repercussão na economia dos países. Segundo ele, talvez os brasileiros tenham que se preparar para medidas mais rigorosas.

“ Temos que manter a tranquilidade com a população, mas acho que a implementação de medidas mais duras virá nos próximos dias. A população tem que estar sensibilizada a isso para evitar a disseminação desta doença”, disse o deputado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui